O Amor de Deus

O Amor de Deus

 - O Presente
Você está aqui: Filosofia >> O Amor de Deus

O Amor de Deus – João 15:13
O amor de Deus por nós, Sua criação distanciada pelo pecado, é graficamente demonstrado no sacrifício que Ele fez a nosso favor. "Ninguém tem maior amor do que este: de dar alguém a própria vida em favor dos seus amigos" (João 15:13).

Jesus Cristo é o único e eterno filho de Deus.1 Ele é o Alfa e o Ômega,2 o Grande EU SOU,3 o "Deus Forte"4 por quem todas as coisas foram criadas5 e em quem todas as coisas subsistem.6 Jesus, a cabeça de todas as coisas,7 humilhou-Se de tal forma que a mente humana não aguentaria nem pensar. Ele veio a este mundo amaldiçoado pelo pecado e participou ativamente em nossos sofrimentos. Assim como somos de carne e sangue, Ele também foi.8 Ele se tornou homem e habitou entre nós.9 Ele compartilhou dos sofrimentos que causamos a nós mesmos através da nossa rejeição de Seus santos preceitos.10 E como se isso não bastasse para nos convencer do seu amor e preocupação para nós, Jesus, o Deus imortal e Doador da Vida, entregou Sua própria vida na cruz como o maior ato de amor que o mundo já conheceu! Ao fazer isso, Ele livrou-se dos nossos pecados, efetivamente pregando-lhes à cruz consigo. Assim, Aquele que não conheceu pecado tornou-se pecado por nós11 e Ele que dá vida a tudo provou a morte no lugar daqueles a ela condenados.12

O Amor de Deus - Porque Deus amou o mundo de tal maneira
Esse é o amor de Deus! "Porque Deus amou ao mundo de tal maneira que deu o seu Filho unigênito, para que todo o que nele crê não pereça, mas tenha a vida eterna. Porquanto Deus enviou o seu Filho ao mundo, não para que julgasse o mundo, mas para que o mundo fosse salvo por ele" (João 3:16-17). Jesus Cristo amou tanto o mundo que Ele tudo entregou por ele, dos seus direitos e privilégios como o único Filho eterno de Deus, à Sua própria vida! Se você quiser ver o amor de Deus, olhe para a cruz. "Nisto se manifestou o amor de Deus em nós: em haver Deus enviado o seu Filho unigênito ao mundo, para vivermos por meio dele. Nisto consiste o amor: não em que nós tenhamos amado a Deus, mas em que ele nos amou e enviou o seu Filho como propiciação pelos nossos pecados"(1 João 4:9-10). "porque o salário do pecado é a morte, mas o dom gratuito de Deus é a vida eterna em Cristo Jesus, nosso Senhor" (Romanos 6:23).

O Amor de Deus - É por você!
O amor de Deus tem sido revelado a nós e agora Ele está à porta e bate.13 Cabe a cada indivíduo buscar um relacionamento pessoal com Deus ou então rejeitá-lo diretamente. A única barreira entre nós e o amor de Deus é o nosso livre arbítrio e Jesus Cristo é a porta.14 "Respondeu-lhe Jesus: Eu sou o caminho, e a verdade, e a vida; ninguém vem ao Pai senão por mim" (João 14:6). A salvação é um dom gratuito que foi comprado e pago pelo sangue de Cristo. Não há outra maneira. "Não anulo a graça de Deus; pois, se a justiça é mediante a lei, segue-se que morreu Cristo em vão" (Gálatas 2:21). Você não pode ganhar o perdão de Deus através de boas obras. Como poderiam as boas obras que você deveria ter feito toda a sua vida compensar pelas incontáveis falhas? Deus não é tolo. "Mesmo que você se lave com soda e com muito sabão, a mancha da sua iniqüidade permanecerá diante de mim..." (Jeremias 2:22).

Um homem uma vez caiu de joelhos diante de Cristo e implorou: "‘Se quiseres, podes purificar-me!’ Cheio de compaixão, Jesus estendeu a mão, tocou nele e disse: ‘Quero. Seja purificado!’" (Marcos 1:40-41). Nós também podemos cair de joelhos e reconhecer a única provisão de Deus para limpar os nossos pecados. Nós também podemos ouvir: "Quero. Seja purificado!" Cristo voluntariamente tomou sobre Si a justa indignação de Deus para que você não precise fazer isso; aquele que aceita a Sua morte na cruz como pagamento por seus pecados vai se reconciliar com o Deus a quem ofendeu. "Tudo isso provém de Deus, que nos reconciliou consigo mesmo por meio de Cristo e nos deu o ministério da reconciliação, ou seja, que Deus em Cristo estava reconciliando consigo o mundo, não lançando em conta os pecados dos homens, e nos confiou a mensagem da reconciliação. Deus tornou pecado por nós aquele que não tinha pecado, para que nele nos tornássemos justiça de Deus" (2 Coríntios 5:18-19, 21). Você vai aceitar o amor de Deus hoje?

Descubra amor verdadeiro!

Notas de Rodapé:
Referências Bíblicas: 1João 1:1-3; 3:16; 2Apocalipse 1:8; cf. Apocalipse 1:13-18, 21:4-7; 22:6-7, 12-16, 20; 3João 8:56-59; cf. Êxodo 3:13-14; 4Isaías 9:6; 5Colossenses 1:16; 6Colossenses 1:17; 7Colossenses 1:17; 2:10; 8Hebreus 2:14; 9João 1:14; cf. João 1:1-3; 10Gálatas 6:7; 1 Pedro 3:18; 112 Coríntios 5:21; 12Hebreus 2:9; 13Apocalipse 3:20; 14João 10:1-7.


Gostou dessa informação? Ajude-nos ao compartilhar esse artigo com outras pessoas usando os botões dos sites sociais abaixo. O que é isso?




Siga-nos:




English  
Social Media
Siga-nos:

Compartilhar:


Quem é Deus?

Ética Situacional
Onde está Deus?
Quem é Deus?
Amor de Deus
Verdade Absoluta
Deus é amor
Deus
Espírito Santo
Atributos de Deus
Conteúdo adicional ...

Deus existe cientificamente?
Deus existe filosoficamente?
A Bíblia é a verdade?
Jesus é Deus?
Por que a fé cristã?
Como posso crescer com Deus?
Assuntos populares
Desafios da vida
Recuperação
 
 
 
Pesquisar
 
Add O Amor de Deus to My Google!
Add O Amor de Deus to My Yahoo!
XML Feed: O Amor de Deus
Filosofia Página principal | Sobre nós | Perguntas Frequentes | Mapa do Site
Copyright © 2002 - 2014 AllAboutPhilosophy.org, Todos os direitos reservados.